Theme
society a crazy breed
turn me on with your eletric feel...
Imagina que louco se todo mundo amasse as pessoas como se não houvesse amanhã.
Renato Russo. (via garoto-de-terno)
She’s smart

oxigenio-dapalavra:

Olho ela tão dona de si, cheia de risos, inteligente e bonita, com um gosto pra música, artes plásticas, entende de café bom, de Monet, Picasso, Van Gogh e Dali.

Ela se veste despretensiosa, solta o cabelo e vai pelas ruas, sem saber do estrago que faz, dos queixos caídos, das topadas , tropeços e torcicolos.

Sem saber dos meus versos, do meu ciume, do meu desejo… ah ela sabe de tanto, mas de amor não sabe nada. 

Natasha Maxmiano

Um dia eu me sinto tão feliz.
No dia seguinte, eu me sinto tão triste.
Red Hot Chili Peppers.  (via desalentou)

foto-jennic:

Don’t be so Prickly 

artist Yossi Lemel

Essa música é sobre suicídio. Ela é muito, muito séria. Me desgasta pra caralho quando a gente toca, e as pessoas não percebem. É sobre uma menina que tem problemas com os pais. Ela se jogou da janela do quinto andar e não existe amanhã. (…) Eu não aguentaria ouvi-la duas vezes seguidas. Eu gostaria, então, que as pessoas prestassem atenção na letra e vissem que é uma coisa muito forte.
Renato Russo sobre “Pais e Filhos.” (via palavrisses)